Skip to content

Cordão

Cordão

Ana Freitas Reis

«Não há encontro sem deformação», diz Ana Freitas Reis no seu livro Cordão.

A poesia dos acasos, do caminho e do processo. A maleabilidade da vida e do que somos sempre em expansão e mutação.

«Hoje só conheço a terra,
a única que não esquece a persistência
e a possibilidade na alegria.»

outras leituras

Língua-mãe - Gabriela Gomes

Língua-Mãe

Gabriela Gomes
As Invisíveis

As Invisíveis

Rita Pereira Carvalho
Making Babies: Stumbling into Motherhood

Making Babies: Stumbling into Motherhood

Anne Enright